Valdeci destaca redução da violência contra a mulher e promete fiscalizar continuidade

Patrulha Maria da Penha é um dos programas que fortalece combate à violência contra a mulher no RS
O trabalho desempenhado pelo governo do Estado no enfrentamento à violência contra a mulher apresenta, cada vez mais, resultados concretos para a sociedade. Essa é a avaliação do deputado estadual Valdeci Oliveira (PT), que destacou os resultados divulgados pela Secretaria Estadual da Segurança Pública nesta segunda (24). Conforme a SSP, de janeiro a setembro deste ano, o registro de femicídios (mortes intencionais e violentas de mulheres) caiu 32,4% em relação ao mesmo período do ano anterior. Em 2013, no período, foram assinalados 74 casos. Este ano, até setembro, a SSP registrou 50 casos.

O número de estupros também diminuiu em 14,9%. Nos primeiros nove meses de 2013, foram assinalados 930 casos. No mesmo período desse ano, houve redução para 791. No caso das ameaças, constatou-se uma redução de 36 crimes (de 32.215 para 32.179), ou seja, diminuição de 0,1% dos casos. Os dados sobre lesões corporais apontam diminuição de 573 casos (de 18.8670 para 18.097), com redução de 3,1%. “Claramente, expressam-se nesses números a ação conjunta realizada, nos últimos anos, principalmente, pelas secretarias estaduais da Segurança e de Políticas para as Mulheres. São inúmeros os projetos e programas em andamento que contribuíram para criação de um nova cultura de proteção à mulher”, afirma Valdeci.

Entre as ações citadas pelo deputado na área, estão a Patrulha Maria da Penha, a Sala Lilás o Observatório da Violência e o Projeto Metendo a Colher. “O Estado não pode abrir mão desse conjunto de políticas públicas. Na Assembleia Legislativa, a partir de 2015, seremos vigilantes à manutenção, pelo novo governo eleito, desses programas, que conseguiram reverter um quadro drástico de crescimento da violência contra a mulher”, adiantou Valdeci.

Conforme Valdeci, dentro desse contexto, a criação da Secretaria Estadual de Políticas para a Mulher, que é criticada por alguns setores, exerceu papel fundamental. “É uma secretaria muito atuante dentro da gestão Tarso Genro, que conseguiu unificar diversos setores e órgãos em torno de um desafio comum”, acrescentou. (texto: Tiago Machado/Luciana Alcover

Patrulha Maria da Penha é um dos programas que fortalece combate à violência contra a mulher no RS

Patrulha Maria da Penha é um dos programas que fortalece combate à violência contra a mulher no RS

– Foto: Claudio Fachel)