Secretário estadual é chamado para tratar de superlotação no HUSM

Valdeci coordenou reunião no Hospital Universitário

A superlotação do Pronto Socorro do Hospital Universitário (HUSM) foi discutida, nesta sexta (12), em Santa Maria, entre representantes da Assembleia Legislativa, da Câmara de Vereadores, do Conselho Municipal de Saúde e da UFSM. Conforme o deputado estadual Valdeci Oliveira (PT), que participou da audiência, o problema é grave e tem de ser tratado como prioridade pela Secretaria Estadual da Saúde.  Valdeci, que preside a Comissão de Saúde da Assembleia, conversou por telefone com o titular da pasta, João Gabbardo, e pediu a vinda dele a Santa Maria, na próxima quarta (17), às 14h30min, quando será realizada uma reunião de emergência entre autoridades locais e regionais do setor da saúde. “O secretário disse que vai fazer um esforço para estar presente. Caso não possa vir, se comprometeu a enviar representante”, disse.

Conforme os dados e informações repassadas no encontro, a superlotação do Pronto Socorro está relacionada com as dificuldades de repasses apresentadas pelo Estado, que geraram descredenciamento de serviços na Região Centro. “Nitidamente, houve uma sobrecarga na demanda do Pronto Socorro a partir do momento que esse problema do Executivo se agravou. É preciso que isso seja muito bem detalhado pelo Estado e que sejam tomados medidas de caráter regional que desafoguem o HUSM”, afirmou.

Outro ponto discutido nesta sexta, foi o Hospital Regional de Santa Maria. As autoridades presentes, entre elas o reitor da UFSM, Paulo Burmann, vereadores da Comissão de Saúde da Câmara e membros do controle social reafirmaram a necessidade de ser agilizado o começo dos atendimentos pelo complexo, que deverá ter sua obra concluída no final do mês de março, segundo a Secretaria Estadual de Obras. “O apoio para que a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) assuma a administração do Regional é geral. Esperamos que o Estado não retarde ainda mais a decisão sobre a gestão, que já deveria ter sido tomada há um ano. O Regional vai amenizar a procura pelo HUSM”, acrescentou Valdeci.

Além do deputado Valdeci, do reitor da UFSM, Paulo Burmann, e de dirigentes do HUSM e do Conselho Municipal de Saúde, também participaram do encontro desta sexta, em Santa Maria, os vereadores Pastor João Chaves (PSDB), Luciano Zanini Guerra (PT) e Marta Zanella (PMDB).  (Foto: Fabrício Vargas -Texto: Tiago Machado)