Assembleia e Câmara preparam debate sobre direitos das pessoas com deficiência

Encontro com os vereadores santamarienses responsáveis pela Frente Parlamentar em Defesa das Pessoas com Deficiência
Encontro com os vereadores santamarienses responsáveis pela Frente Parlamentar em Defesa das Pessoas com Deficiência

Encontro com os vereadores santamarienses responsáveis pela Frente Parlamentar em Defesa das Pessoas com Deficiência

A Assembleia Legislativa e a Câmara de Vereadores de Santa Maria vão promover, em março, uma audiência pública sobre os direitos das pessoas com deficiência. A realização da atividade foi definida, nesta segunda (9), em Porto Alegre, durante reunião entre o deputado estadual Valdeci Oliveira (PT), vice-presidente da Comissão de Cidadania e Direitos Humanos do Parlamento Gaúcho, e os vereadores Admar Pozzobom (PSDB) e Luciano Guerra (PT), respectivamente o presidente e o vice-presidente da Frente Parlamentar em Defesa das Pessoas com Deficiência. A data do debate já está definida: dia 21 de março, às 9h, no Plenário da Câmara de Santa Maria. “Vamos levar especialistas e instituições para discutir de forma aprofundada o tema. Queremos abordar a questão do mercado de trabalho e da acessibilidade. Aproveitaremos também toda a experiência e o acúmulo que a CCDH possui sobre a questão”, afirmou Valdeci.

A Frente Parlamentar em Defesa das Pessoas com Deficiência de Santa Maria também é integrada pela vereadora Dra. Deili Silva (PTB) , vice-presidente do grupo legislativo.

DAER – Além da agenda na Assembleia, os vereadores Luciano Guerra e Admar, acompanhados pelo deputado Valdeci, realizaram uma audiência20131209 Vereadores Luciano Guerra e Admar Pozzobom no DAER com o diretor-geral do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (DAER), Carlos Eduardo Vieira. Os parlamentares reivindicaram ao diretor melhorias na RSC-287, no trecho entre Santa Maria e Paraíso do Sul, principalmente na questão da sinalização e das condições de segurança. Uma das preocupações é o acesso à Escola Major Tancredo Penna de Moraes, instituição situada nas margens da rodovia. Os vereadores sugeriram a colocação de um redutor de velocidade ou de um pardal em frente à escola. O diretor afirmou que está no cronograma do Departamento encaminhar melhorias na sinalização da rodovia. “É um questão de segurança”, afirmou Vieira.

Texto: Tiago Machado – Fotos: Gabriela Freitas